No útero não existe gravidade, de Dia Nobre

Acho que posso soar repetitiva, mas eu nunca me canso de dizer que a melhor parte do Leia Mulheres é conhecer mulheres incríveis. Com a Dia Nobre não foi diferente. O primeiro contato foi por twitter, algumas amigas em comum e ela me convidou para gravar um podcast. Naquela noite parecia que já nos conhecíamos há tempos e a conversa fluiu maravilhosamente bem. Pouco tempo … Continue reading No útero não existe gravidade, de Dia Nobre

Diálogo ocasional

Há uns anos teve aquele boom das newsletters pessoais. Criei a minha e no começo enviava basicamente notícias do Leia Mulheres, links de textos e afins. Com o tempo eu transformei aquilo num diário puro suco dos blogs anos 2000. Eu falava da minha vida, de mim, dos meus gostos. Conheci várias pessoas legais por causa delas, mas um dia acordei com a sensação de … Continue reading Diálogo ocasional

Felix para sempre, de Kacen Callender

Esta é mais uma resenha que escrevo graças ao meu privilégio de trabalhar na Editora Nacional. Segundo livro da linha YA da editora, Felix para sempre vai ser lançado agora em julho e conta com uma ótima tradução de Vic Vieira. O autor, Kacen Callender, nascido nas Ilhas Virgens Americanas (Caribe), já recebeu diversos prêmios, entre eles o Stonewall e o Lambda. O protagonista se chama … Continue reading Felix para sempre, de Kacen Callender

Rinha de galos, de María Fernanda Ampuero

De uns tempos para cá tenho visto um resgate de escritoras latino-americanas, e a Editora Moinhos é uma das maiores responsáveis por isso. É bizarro pensar como passamos tanto tempo lendo apenas escritores europeus e dos Estados Unidos, sendo que a América Latina está repleta de escritores maravilhosos. Quando a Moinhos anunciou Rinha de galos eu fiquei interessada logo de cara, ainda mais por se … Continue reading Rinha de galos, de María Fernanda Ampuero

Na casa dos sonhos, de Carmen Maria Machado

Minha adolescência foi um tanto quanto complicada. Eu achava que era “um dos caras”, tinha comportamentos como os deles para ser aceita. Deixei de aprender e entender muita coisa nesse período, demorei anos para me ligar de algumas merdas que eu tinha visto ou passado. Nessa época tive meu primeiro amigo gay, e ele me contava na maior naturalidade que saía no soco com o … Continue reading Na casa dos sonhos, de Carmen Maria Machado

Agora que ele se foi, de Elizabeth Acevedo

Desde que entrei na Editora Nacional eu tenho lido muito YA. Nunca fui grande leitora do gênero, não por não gostar, apenas não saber direito por onde começar. E uma das coisas mais legais do meu trabalho é poder ler alguns livros antes mesmo que sejam lançados, como foi o caso de Agora que ele se foi, de Elizabeth Acevedo, autora norte-americana, com família da … Continue reading Agora que ele se foi, de Elizabeth Acevedo

Umas palavras sobre poesia

Em 2017 li o famoso Outros jeitos de usar a boca da Rupi Kaur. Eu estava no início de um tratamento para depressão e estava num relacionamento lixo. O livro bateu pesado para mim, me identifiquei com algumas passagens. Fizemos um encontro do Leia Mulheres sobre ele e lotou, principalmente de jovens, todas muito apaixonadas pelo livro. Passado um tempo, fui reler e não me … Continue reading Umas palavras sobre poesia

Temporada de furacões, de Fernanda Melchor

Temporada de furacões é o terceiro livro da mexicana Fernanda Melchor, originalmente publicado em 2017, foi lançado no Brasil neste ano pela Editora Mundaréu, com tradução Antônio Xerxenesky. Em 2019 o livro foi vencedor do International Literature Award e no ano seguinte foi finalista do International Booker Prize. Esse é outro caso em que li muito a respeito da obra e estava ansiosa para que … Continue reading Temporada de furacões, de Fernanda Melchor

Gótico Mexicano, de Silvia Moreno-Garcia

Silvia Moreno-Garcia é uma escritora mexicana de ficção especulativa que atualmente mora no Canadá. Gótico Mexicano foi o livro que me apresentou à escritora, mas ela já possui uma longa carreira na literatura, com seis romances publicados, além de diversos contos e coautorias. O livro foi publicado no Brasil pela Darkside, com tradução de Marcia Heloisa e Nilsen Silva. Como o nome sugere, estamos diante … Continue reading Gótico Mexicano, de Silvia Moreno-Garcia