As crônicas vampirescas – A Rainha dos Condenados

O começo deste ano está bom para as minhas leituras. Consegui reler A Rainha dos Condenados em poucos dias e foi um conforto incrível para os dias quentes. Essa minha edição (publicada pela Rocco, com tradução de Eliana Sabino) foi comprada em setembro de 2002 e 20 anos depois, cá estou relendo e me encantando de novo com Anne Rice. Claro que lembrava muito pouco … Continue reading As crônicas vampirescas – A Rainha dos Condenados

Fright das 5 às 7: Janeiro

E assim começo o desafio conforto literário que eu e a Jéssica criamos para 2023. Nada melhor do que começar o ano com um livrinho da Agatha Christie (li outro dela em dezembro também, porque sim). Eu fico extremamente nostálgica quando falo da Gata Triste. Já comentei aqui que comecei a ler por influência dos meus pais. A estante de casa sempre foi cheia de … Continue reading Fright das 5 às 7: Janeiro

A breve história da menina eterna, de Rute Simões Ribeiro

Esse segundo domingo de 2023 foi bem estranho. Semana passada eu estava me acabando de chorar de felicidade junto das minhas amigas. Hoje está um tempo frio e cinzento em São Paulo. Tivemos nosso primeiro encontro do Leia Mulheres, um especial com a escritora portuguesa Rute Simões Ribeiro, enquanto um bando de terroristas invadia Brasília. Ser brasileiro é viver um monte de emoções contraditórias. Ano … Continue reading A breve história da menina eterna, de Rute Simões Ribeiro

Fright das 5 às 7: Conforto Literário

Minha amizade com a Jéssica é feita basicamente de “Vamo? Vamo!”. A cada ideia que uma tem, a outra topa na hora e as coisas acontecem. Assim foi com o nosso “desafio”, que resolvemos chamar de conforto literário, porque a ideia é tirar livros parados da estante e ler coisas que nos deixam felizes. A Jess falou um pouco mais do projeto lá no blog … Continue reading Fright das 5 às 7: Conforto Literário

O terror, os jovens e o new metal

Aproveitando a minha febre de Mundinho Anne Rice, resolvi trazer esse texto que foi publicado originalmente em março de 2020 no blog Necronomiconversa Há algum tempo já eu queria rever a Quadrilogia Pânico e aproveitei o Carnaval para começar. O primeiro continua sendo um dos meus preferidos da vida e hoje eu vejo como a Sidney é uma personagem forte, totalmente diferente dos clichês que … Continue reading O terror, os jovens e o new metal

Kallocaína, de Karin Boye

Eu me considero uma pessoa bastante curiosa. Estou sempre pesquisando sobre escritoras, diretoras e etc., mas o nome de Karin Boye nunca tinha passado por mim. Isso até que a Editora Carambaia publicou Kallocaína aqui no Brasil, com tradução de Fernanda Sarmatz Åkesson. Recentemente a editora lançou uma segunda edição da obra, dessa vez na Coleção Acervo, que possui preços mais acessíveis. Kallocaína é o … Continue reading Kallocaína, de Karin Boye

As crônicas vampirescas – O vampiro Lestat

A literaura e o cinema sempre foram meus refúgios. Graças a eles eu consegui manter o mínimo de sanidade durante a pandemia. Em 2020 eu fiz lives, tive clubes de leitura, podcasts e afins. Em 2021 eu decidi voltar a Twin Peaks. Revi tudo, li, pesquisei, mergulhei naquele mundo que parecia melhor que o Brasil de Bolsonaro. Achei que em 2022 voltaríamos ao normal. Durante … Continue reading As crônicas vampirescas – O vampiro Lestat

I remember Halloween – Parte II

Continuando a listinha de indicações de filmes para o Halloween… Fresh (2022, dir. Mimi Cave) Esse foi um filme que dividiu opiniões na minha timeline, mas eu gostei bastante. A protagonista está cansada de dates furados de Tinder, aí do nada conhece um cara “perfeito” no mercado, mas era uma cilada. Tem umas partes meio absurdas, mas terror é isso, dar adeus para o bom … Continue reading I remember Halloween – Parte II

I remember Halloween – Parte I

Bonfires burning brightPumpkin faces in the nightI remember Halloween Esse ano não está sendo nada do que eu esperava. Hoje, 04 de outubro, eu esperava estar de boas fazendo maratona de filmes de terror, lendo Anne Rice e tendo Lula como nosso presidente de novo. Mas enfim, a realidade é outra e outubro vai ser um mês muito longo. Em anos anteriores eu fiz maratonas … Continue reading I remember Halloween – Parte I

As crônicas vampirescas – Entrevista com o vampiro

Nesse post aqui eu falei da minha maratona de As crônicas vampirescas da Anne Rice. Claro que ainda não comecei, graças à vida adulta, capitalismo e etc. Mas não desisti. Lembrei que em 2018 eu reli Entrevista com o vampiro e fiz uma resenha para o Leia Mulheres. Reproduzo aqui para não abandonar completamente o blog nesses tempos complicados. “O mal é sempre possível. E … Continue reading As crônicas vampirescas – Entrevista com o vampiro

A odisseia do cinema brasileiro – Parte III

Ontem estava conversando com uns amigos sobre isso de ser fã. Acho muito bacana quem é fã de algo ou de alguém, que dedica tempo a isso. Eu tenho fases de fã. Amei x cantora por algum tempo, cansei, veio um escritor e assim vai. Uma das minhas fases foi o cinema brasileiro. Estou escrevendo sobre esse amor aqui. Demorei para voltar porque essa fase … Continue reading A odisseia do cinema brasileiro – Parte III

As crônicas vampirescas – Início

Nesse post aqui deu para perceber que eu ando fascinada com vampiros. Peguei todos os livros do tema da minha estante, estou vendo filmes, lendo o tempo todo sobre e etc. Em meio a isso, me lembrei da Anne Rice, que infelizmente faleceu no final do ano passado. Como todo jovem gótico, eu tive uma fase de ler muito os livros dela na adolescência. Lembro … Continue reading As crônicas vampirescas – Início